Sobre o Interbase

O Interbase foi criado pela Groton Database Systems em 1984 e financiado pela Apollo Computer. Em 1986 a Apollo decidiu deixar o negócio de softwares e gradualmente vendeu o Interbase à Ashton-Tate entre 1986 e 1991. A Borland adquiriu a Ashton-Tate em 1991 e como parte do negócio ficou com o Interbase. A Borland queria formar uma nova empresa dedicada só ao Interbase e lançar o banco de dados em open-source, contudo, não foi possível chegar a um acordo de separação das empresas. O Interbase 6 tornou-se um produto open-source (do qual surgiu o Firebird) e a Borland continuou trabalhando em código proprietário do Interbase.

Suportamos o Interbase diretamente em nossos produtos! Não são necessários drivers adicionais e pode se conectar diretamente ao seu banco de dados.

Atualmente o Interbase é um produto maduro, mas que ainda não atingiu todo o seu potencial. O seu ponto forte é o MVCC (controle de concorrência multiversão), que mantém cópias de dados separadas para cada transação, evitando travar enquanto está sendo usado. Contudo, isso faz com que o banco de dados cresça muito depressa e por isso precisa ser limpo periodicamente. Durante essa operação, cada linha de cada tabela é visitada e as cópias obsoletas desses dados são eliminadas.

É muito fácil de manter o Interbase - e ocupa muito pouco espaço. A instalação completa (servidor e cliente) é menor que só a parte cliente de outros bancos de dados.

O servidor Interbase não trabalha com ficheiros de bancos de dados antigos, assim se você atualizar o servidor do banco de dados deverá guardar uma cópia de segurança no servidor antigo, e depois restaurar o ficheiro assim que atualizar o servidor.